Mensagem 136

04 de julho de 2021

Texto base: Êxodo 26:15-20,29

Textos das Escrituras citados durante a mensagem:

- O Tabernáculo tinha dois espaços bem definidos – Um no exterior ou a céu aberto e outro chamado a Tenda da Congregação, feito de tábuas seguras por barras transversais e coberto com cortinas sobrepostas.

 

- Hoje não existe este tipo de adoração externa. O templo de Jerusalém foi destruído. Hoje a adoração é espiritual: “…Mulher, crê-me que a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai (…) a hora vem e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem.” (João 4:21,23)

 

I – ESTAR NO EXTERNO DO TABERNÁCULO É ESTAR COM JESUS E RECONHECÊ-LO COMO SALVADOR, MAS AINDA DEBAIXO DAS INFLUÊNCIAS DO MUNDO.

 

- Neste lugar só temos de dar três passos.

 

1 - A Porta - conhecer Jesus como a Porta: “Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará e sairá. E achará pastagens.” (João 10:9)

2 - O altar do holocausto – conhecer e aceitar sacrifício de Jesus na cruz: “Por isso o Pai me ama, porque dou a minha vida, para tornar a tomá-la. Ninguém ma tira de mim, mas eu de mim mesmo a dou…” (João 10:18)

3 - A bacia de cobre – conhecer os rudimentos da Palavra da salvação que nos liberta do erro e nos purifica dos nossos pecados: “Vós já estais limpos (lavados), pela palavra que eu vos tenho falado.” (João 15:3)

 

II – ENTRAR NA TENDA DA CONGREGAÇÃO, E ESTAR EM OUTRA INTIMIDADE COM JESUS.

 

- Deixamos de ter a luz natural e precisamos de outra luz, que provém do castiçal com se braços (que nos fala dos sete Espíritos de Deus, iluminando o nosso ser): “Mas tu, quando orares entra no teu aposento, e fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em oculto; e teu Pai, que vê secretamente, te recompensará.” (Mateus 6:6)

 

- Não mais precisando de nos lavar (a pia de cobre), agora o alimento espiritual é mais substancial (são os pães da proposição): “Pelo que, deixando os rudimentos prossigamos até à perfeição, não lançando de novo, o fundamento do arrependimento de obras mortas e da fé em Deus.“ (Hebreus 6:1)

 

- Neste ambiente de comunhão a nossa atitude é de louvor e adoração (representado pelo incensário): “E transfigurou-se diante deles; e o seu rosto resplandecia como o sol; e os seus vestidos se tornaram brancos como a luz. (…) E Pedro, tomando a palavra, disse a Jesus: Bom é estarmos aqui…” (Mateus 17:2,4)

 

Revelação: “Meus filhos, no vosso tabernáculo não deve existir tristeza, mágoa, choro ou amargura, porque não Me podeis cultuar desse modo em espírito e em verdade; mas deve haver sim luz, perfume, louvor e adoração (…) Cobri-vos com as mantas do Tabernáculo, protegei-vos com as tábuas, perfumai-vos com o incenso, pois nesse lugar ele não é somente Meu, mas sim nosso. Segui-Me sempre, pois Eu vos amo e dou-vos a Minha paz.

Pr. Egídio       

***

Mensagem 136 - 04 julho 2021
00:00 / 00:00