Buscar

POSSESSÃO

- Explicação de Jesus sobre a possessão.

(GEJ - II – 168, 169IV – 247V – 240VI – 187)

Eu ameaço o espírito mau, ordeno-lhe deixar o corpo do pequeno e atirar-se no inferno. O demónio se afasta de modo visível, e o garoto recupera a saúde. O mau espírito tem a figura de um gato preto, grande e peludo, e pede-Me: Filho do Altíssimo, dispensa-me do inferno e dá-me outro castigo qualquer! Eu, porém afirmo: Afasta-te e te penitencia, nos vales desertos da Lua de onde vieste, dos teus actos horrendos, praticados há oitenta anos! (…) Os presentes estão perplexos e horrorizados. (…) Nada temais; é-Me dado todo o poder no Céu como na Terra, e este espírito, que durante sete anos martirizou a sua vítima, jamais se aproximará da Terra. (…) Deus experimenta justamente aqueles que Ele mais considera; caso a criatura cumpra as suas provações, terá encontrado a sua salvação, para sempre. A alma do teu filho tem a sua origem em um dos grandes mundos, que preenchem o Universo. Para a sua própria salvação teve de suportar esta prova, além da encarnação, conseguindo, ainda jovem, força tal, que outras dificilmente alcançam, ainda mesmo suportando durante um século e peso do físico. Acredita-Me: As criaturas ignoram a razão das coisas; somente Deus sabe o porquê.” – “Diz Pedro: Senhor, acaso também somos obsedados, porquanto falaste dos maus espíritos da nossa carne? (…) Por certo, pois a carne e o sangue de todas as criaturas estão repletos de espíritos maus, que merecem tal denominação por estarem em julgamento, se assim não fora, não se encontrariam no corpo. (…) Um homem cuidadoso, porém não despertará em demasia os espíritos impuros do corpo, não podendo tão facilmente ser possuído pelos maus espíritos que já deixaram os seus corpos físicos. Por este motivo vos advirto de toda a paixão, em si uma consequência do despertar dos múltiplos espíritos em carne e sangue. Uma vez excitados, juntam-se-lhes as almas desencarnadas e impuras, geralmente localizadas nas regiões baixas do orbe; isto acontecendo, tal criatura é realmente possessa.


- Porque o Senhor permite as possessões.

As possessões são permitidas a fim de despertarem a ideia em coisas espirituais, em pessoas cuja fé em Deus e na imortalidade da alma está quase totalmente apagada.

(GEJ – IX – 29)