Buscar

PAGANISMO

- Profecia de Jesus sobre o Seu julgamento.

(GEJ - VIII – 46)

Digo Eu: Sei melhor do que vós quando o momento é oportuno, e, além disso, já vos disse muita coisa que acontecerá, porque não posso alterar o livre arbítrio. Desde o Meu Nascimento começou o julgamento dos pagãos, em toda a parte, e prosseguirá num crescendo até quase atingir dois mil anos.” (…) Também se oporão enormes massas de nuvens contra o Sol espiritual e eterno, ocasionando grande prejuízo, sem poderem impedir, no final, a grande Aurora da Verdade. (…) Precederam, como bons arautos, os mensageiros matutinos, ainda visíveis e agiam durante a noite; eis a vossa tarefa! (…) Também notareis que naquela época as criaturas anteriormente ignorantes e inimigas da Luz da Verdade são iluminadas por todos os lados, transformando-se em adversários da mentira. (…) Os amantes da Verdade começarão a rejubilar-se e Me louvarão, por lhes ter enviado o Meu Sinal no Céu do Dia espiritual. (…) Eu Mesmo serei a Verdade eterna naquele Sol e por Sua Luz, Soberano Guia de sua vida e de seu destino, temporal, espiritual e eterno. Deste modo vos demonstrei o grande julgamento do judaísmo antigo e novo, na Verdade plena e facilmente compreendida.