ALERTAS DE DEUS

para os dias de hoje

"Mas isto é o que foi dito pelo profeta Joel: E nos últimos dias acontecerá, diz Deus, que do meu Espírito derramarei sobre toda a carne; e os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, os vossos mancebos terão visões, e os vossos velhos sonharão sonhos; e também do meu Espírito derramarei sobre os meus servos e minhas servas naqueles dias, e profetizarão." (Actos dos Apóstolos 2:17-18)

Imagem de samer daboul de Pexels

Revelação dada a 20 Março 2020 

(Revelação em forma de parábola)

 

Um eremita percorre o seu caminho pela beira de um rio. Caminha de forma incessante, resguardando-se dos perigos. Pisa só em pedras robustas e olha em frente de forma a nunca sair do alinhamento do Sol. Pensa e pondera na forma que o mundo tomou e no que se transformou. Na imagem do homem vê o rebelde transformador que da natureza tirou partido e a mutilou em todas as suas formas. Saqueou os mares e as entranhas do planeta e com o visco poluiu e saturou o ar. Derrubou árvores e flores, matou e transformou animais, humilhou o Criador e se santificou com o sangue derramado em orgias sem sentido. Do vigor do seu pecado o homem se transformou no seu próprio carrasco e, o Eremita pensou:

 

imagem de wix.com

Chegou a hora, e continuou a caminhar na berma do rio em direcção ao Sol deixando que as águas lhe acalmassem a caminhada.

Segui o Sol, segui os passos do Eremita.

Amém.

Revelação dada a 21 Março 2020

(sobre a pandemia )

E dos céus virá a força que tudo cura e que tudo derruba.

Eu preservo o bem em tudo o que mexe e, no mais nefasto coração, se Eu sentir uma réstia de amor, Eu o subjugo para o libertar e purificar.

A salvação é o caminho e o caminho se faz na purificação do corpo e da alma. O espírito tem de se enaltecer e engrandecer em cada um de vós. Os Meus filhos irão permanecer com os pés na água de forma a terem a revelação dos tempos futuros, os outros terão as trevas entranhadas no corpo e o mal será transpirado de corpos inúteis que entrarão em sofrimento e morte. Dessas mortes restará pó sem salvação. Para os Meus,

 

imagem de pressfoto por br.freepik.com

teremos a ressurreição e a vida eterna.

Este momento que fique registado em vós como o princípio de tudo o que aí vem. Esta moléstia vai libertar o mundo, a terra dos filhos de Deus, da maldade do homem. Ireis ver o ar a purificar e as águas a limpar só com esta paragem de meses. Mas seguir-se-á a angústia dos homens do dinheiro. A estátua vacila porque em breve ela vai cair [*]. A economia vai mudar, o homem vai ter de alterar o seu paradigma de vida. A vida sou Eu e nada mais. Voltem-se para Mim. Os Meus filhos vão sentir o chamamento; os que vierem salvam-se; os que hesitam sofrem; os que duvidam morrem. Não há tempo para lamúrias. É tempo de salvação, é tempo de redenção, é tempo de oração.

Em casa de cada um, Eu entrarei e edificarei muralhas de acordo com os corações e ao ritmo da vossa oração. Não quero pedidos inúteis, mas sim louvor e gemidos sinceros de amor a Mim. Quero gratidão, quero perdão nos vossos corações para com todos, caridade física e espiritual e, essencialmente, purificação do corpo e do espírito.

Chegai-vos a Mim porque os tempos são severos e vem aí muito mais para além desta praga.

Tudo agora começou. Aquietai-vos e preparai-vos para o Meu chamado.

Eu vos protejo, Eu vos ouço se a Mim chamardes.

O Céu está em acção e a terra em sofrimento. E na doença os filhos pedem colo ao Pai. Vinde a Mim.

Amém.

[*] – Ver Daniel 2:31-45.

 

Revelação dada a 23 Março 2020

Ireis ver o comboio trilhar o caminho dos infernos e vós caminhareis sobre as chamas sem vos queimardes.

Este vírus queima os pulmões por dentro e marca aqueles que dele são assolados.

A Minha cura e a Minha protecção desce sobre os Meus que em humildade não cruzam os braços e afincadamente lutam pelas vidas. Esta luta incessante em que a falta de descanso vai fazer muitos clamarem a Mim  e pedirem-Me ajuda, deixando de parte todo o cepticismo da ciência. Não há médico, nem enfermeiro, nem cientista, nem político, nem economista que neste momento não se espante com os acontecimentos; e vão clamar pelo fim do terror e da desgraça; e no dia da Minha

imagem de wix.com

ressurreição aos céus [*] a praga na terra irá acalmar. O Meu povo saberá quem pôs a mão, saberá quem ouviu as suas orações. Os Meus filhos saberão de onde vieram as bênçãos que desceram. Os outros irão esperar por uma segunda volta de tudo.

Ficai em oração que os tempos são de recolhimento e nas vossas portas Eu escreverei com o Meu sangue: Aqui mora um filho Meu porque ouço a sua oração. Eu vos protejo.

Amém.

[*] “O dia da Minha ressurreição aos céus” corresponde ao dia que chamamos da Ascensão (40 dias depois da Páscoa). Se o nosso Pai respeitar a nossa data para a Páscoa – dia da Sua ressurreição da morte física – então o dia revelado pelo Senhor será 21 de Maio de 2020.

Revelação dada a 25 Março 2020

E todos os governantes se unem procurando fugir ao inevitável. Os grandes querem salvar o que designam de seu e os pequenos querem partilhar as suas dificuldades. No Meu reino não há ricos nem pobres, mas sim filhos e não filhos e por isso quanto mais se preocuparem menos encontrarão.

A ninguém será poupado aquilo que está determinado, seja rei, seja príncipe, seja reinante, plebeu ou mendigo. Seja bom ou seja mau, todos serão envolvidos pela nuvem. Somente o bom coração, a oração ou, em algum momento, uma boa acção pode salvar um homem.

Existem os outros, o reino do mal que também irá resistir mas depois de muitas baixas.

 

Imagem de Myriam Zilles por Pixabay 

E vos respondo, filhos, ao que Me perguntastes: Este vírus não é das trevas, ele é filho da desobediência do homem à Minha palavra. Existem partes da terra que são desobedientes e mesmo incultos na fé. Desprezam o Meu nome e tudo o que vos deixei de herança. Comem tudo e alimentam a alma com todo o mal e espírito maligno que vagueia na terra. E este é o resultado. Poderás dizer que o vírus é uma praga que foi oriunda da desobediência do homem a Mim.

Não comam o que vos é indigno, jejuai e alimentai-vos do que a terra vos dá e acompanhai com o peixe do mar. Bebei água, limpai o espírito e orai.

O mundo se encontra no abismo económico e ireis ver grandes potências a rastejar perante as pequenas. Cuidai-vos e orai porque vêm aí tempos maus em que os homens irão revelar a sua verdadeira natureza.

Agora estão unidos contra o vírus, mas depois estarão desunidos pela luta da sobrevivência. Refinai-vos na fé, peneirai os vossos pensamentos, estreitai os vossos caminhos e acendei a Luz que vos irá acompanhar no caminho. Mantende as candeias limpas e acesas numa luz contínua, porque Eu estou presente e Eu voltarei. Irei visitar os Meus em espírito e em verdade e vós Me conhecereis. Abrirei as portas do céu e vereis o quanto vos amo.

Amém.”

 

Revelação dada a 31 Maio 2020

Erguendo-se sobre o Céu, uma nuvem de pó e de pecado se esfuma e Me divulga tudo o que se passa na Terra.

Em breve o Sol se esconde e na penumbra os espíritos se expandem e se mostram rebeldes, impuros e saudosos de voltar à Terra.

Povoar o Céu é difícil para quem ainda não deixou a Terra, mas nem todos estão no preparo da mais pequena luz.

Para penetrar no primeiro patamar de acesso a Mim é preciso gratidão e aceitação no coração de que tudo é Meu e vós sois espírito.

Nada aqui de material entra, nem em pensamento a matéria aqui penetra.

Imagem de Arek Socha por Pixabay 

Em tudo vós personificais o bem e o mal na terrível oposição e luta humana. Dessa luta tudo se glorifica em vós quando a Luz vence e começa a prevalecer e a se intensificar.

Alguns tempos ainda faltam, mas na proximidade eles se aglutinam para o final esperado.

Vem a perturbação, vem a escuridão, vem a revolta, a luta intensa, o medo e o cansaço e, no final, a vitória que se refaz na paz, no amor e no descanso.

Depois da aproximação da tempestade, vem a tempestade.

Depois da aproximação da acalmia, vem o Reino de Deus.

A electricidade dos mundos se intensifica, com a chegada desse planeta; tudo se vai ressentir, da mais pequena flor, ao mais elevado aglomerado de terra, de mar e de luz.

Os homens sentirão e nova reposição de terra surgirá.

Tudo se encontra em mudança. Os céus se regozijam com a chegada do momento em que o Deus e Senhor que sou Eu será o Universo congregado no todo enquanto Verdade e Luz.

O Reino se aproxima, mas para se moldar o ferro é preciso incandescê-lo no fogo.

O fogo se aproxima.

Breves estão os dias.

Em tudo o homem se precipita.

Aguardai e estai atentos aos sinais, que Eu vos guardarei.

Ficai descansados. Eu purifico o vosso caminho com a força do vosso amor a Mim.

Amém.”

Revelação dada a 12 Julho 2020

“O Universo é Meu em todo o seu poder e extensão. Na simplicidade e no rigor do Meu Espírito o criei e criei um espírito novo dócil para Me acompanhar; e dele surgiram novos que pairavam por toda a eternidade do espaço e do tempo.

O Meu amado companheiro se revoltou e da rebelião surgiu a Minha tristeza e deste sentimento surgiu a necessidade do perdão.

O perdão é o sentimento espiritual mais denso de sentido, pois converte almas. O perdão é a Minha Misericórdia impulsionada pelo Amor.

O Amor nasce no Filho entregue por Mim para resgatar todo o pecado. O Amor se enaltece na mãe que se entrega e se anula

no amor ao outro. O Amor pleno é o da entrega é o da 

 

Imagem de Rudy and Peter Skitterians por Pixabay 

comunhão.

Maria e José Me acolheram na Terra e Eu os acolhi no céu, e vos entreguei o Meu Espírito Santo e Vivo que ainda hoje e sempre permanecerá em vós. Não vos deixarei órfãos, não abandonarei nunca os Meus filhos.

E pela restauração do mundo e pela salvação das almas Eu me retenho em Amor e levo ao extremo o dom do Meu perdão.

Quantos mais a Mim vierem, mais forte serei Eu no Amor de Pai. Perder um filho é uma dor para um pai.

Assim estamos no início dos tempos, dos novos tempos, em que o barco se faz ao mar. As águas estão turvas e, embora navegáveis, já se agitam.

Eu vou ao leme e o Meu povo se encontra no barco. Todos temos de estar preparados para entrar em alto mar.

Vem aí tempestade e na revolta dos tempos, alguns vão se perder no mar. Simplesmente cairão porque não encontram conhecimento de como navegar. Em tudo há regras e as Minhas são o Amor, a oração, a paciência e a comunhão. E a fé tudo consegue na força plena da oração.

A tempestade surgirá após 12 + 12 sóis taparem a Lua e aí tudo o que sabeis começará a acontecer. Até lá, tendes fenómenos de origem humana a acontecer. Depois, virão os fenómenos do ar, do tempo, do fogo e da escuridão.

A Luz entre vós permanecerá na medida da vossa fé e em tudo saireis vencedores, não renegando o Meu Nome.

E não vos esqueçais, no final vem a bonança e serei Eu que ainda e sempre estarei ao leme.

O mar serena. O barco volta à Terra, à Nova Terra, à Nova Jerusalém.

Continuai na Palavra, na oração e na fé. 

Amém.”

 

Revelação dada a 8 agosto 2020

“E sobre a terra paira o Meu jugo. O Meu jugo é suave mas a Minha ira sobre o opróbrio, sobre o mal, sobre o ódio é implacável. Nada se pode fazer sem haver um julgamento do céu. A terra que Me viu, que Me fez sofrer e que viu a morte do Meu Filho está sobre condenação há muitos séculos e uma nuvem de ira e de desgraça sobre esta terra paira. Tudo se irá degradar e desmoronar. O ciclo iniciou-se. O próprio homem se condena e se mata. O vírus continua e irá devastar paulatinamente aqueles que não têm a Minha marca.

Não vos assusteis com o mal que recai sobre o mundo mas temei o vosso Pai que na plenitude do Seu Amor faz entrar em acção o rigor da justiça. Na luz de toda a eternidade se revolve

Imagem de wic

a Minha criação e eles sabem quem Eu sou. Da pedra à ave, da água ao animal, do pó à luz, Eu sou o todo-poderoso que na humildade Me faço presente e no poder do amor humilho o mais grandioso dos seres.

O mundano nega o espírito no Meu caminho. A espiritualidade é o percurso daquele que Me quer em si.

Na oração Me encontrais, mas também na caridade.

Na compaixão Me estendeis a mão e segurais naquele que de Mim saiu. Esta é a missão do Meu filho, do Meu seguidor.

Esta é a Minha ordem dentro do caos que é esta terra, entregue ao homem.

O homem negou-Me mas Eu o aceito, o chamo e estou disposto a perdoar.

Eu amo os Meus filhos e todos são um pedaço de Mim.

Neste percurso que permite encontrardes o céu na terra, esperai em oração e em entrega.

O que Eu mais quero é sentir-vos em Mim.

Pensai em Mim, falai Comigo, orai a Mim, concentrai-vos no céu e nas Minhas palavras … Meditai … Subi até Mim.

Congrego as vossas forças e os vossos pedidos porque os tempos se encurtam.

Continuai e juntai tudo o que se passa no mundo e avaliai.

Os tempos se agitam.

A Minha mágoa espera pela vossa entrega, pois estou preparado para vos dar o Meu perdão, a Minha misericórdia.

Orai pelo mundo.

Eu vos amo. Amém.

Rua de Damão, 289 e 297

4465-119 SÃO MAMEDE DE INFESTA - PORTUGAL

email: refugiobetania@gmail.com

 

         Ver Mapa

© 2020 por Refúgio da Betânia.